"A Vida é bela.Gostaria de a viver mil vezes." (Beethoven)

27
Mar 09

Saber Viver

Primeiros socorros
Primeiros socorros
Adopte o procedimento correcto em caso de emergência

As ideias pré-concebidas que existem nem sempre são as soluções mais adequadas em caso de acidente.

Desmistifique-as e preste um primeiro auxílio eficaz.

Para evitar que uma ferida sangre, deve passá-la por água? Não!

O contacto com a água apenas impede a coagulação da ferida e fomenta a hemorragia.

Em caso de queimadura, deve pôr creme ou manteiga?

Esqueça o creme e deixe a manteiga para as torradas!

A única coisa que uma queimadura requer é água fria.

O recurso ao gelo pode queimar a pele.

Mexer a perna revela que esta não está partida? Pois que não!

Ou tem a capacidade de visão do Super-homem ou terá de limitar-se à única forma de detectar uma fractura: fazer um raio-X.

Um torniquete é a melhor forma de parar uma hemorragia intensa?

Não, não é e fazê-lo exige algum cuidado. É perigoso bloquear a circulação sanguínea num membro por mais de dez ou 15 minutos.

É necessário muito treino para se conseguir prestar primeiros-socorros? Nem por isso... Aprender o essencial não requer muito tempo. Em situações de urgência, é importante manter o senso comum e o sangue frio.

Ah e esqueça o que vê nos filmes e nas séries de televisão.

A realidade é bem diferente!


A responsabilidade editorial desta informação é da revista
 

publicado por carla grileiro às 18:36

fds: 2

Desejo um excelente fim de semana a

todos os amigos e visitantes do meu blog.

Tenho andando um pouco (grande) afastada do meu bloguinho,

mas é mesmo por falta de tempo,

vou tentar portar-me melhor.

Beijinhos para todos,

aproveitem bem o descanso e bom fim de semana

publicado por carla grileiro às 18:25

16
Mar 09

foto artigo
 

 

Auto-exame dos seios

Examine-se uma vez por mês. Saiba como (fotos)

O temido cancro da mama pode ser curado desde que detectado a tempo.

A elevada taxa de mortalidade pode ser combatida através da detecção precoce porque, com ela, há uma hipótese de sobrevivência de 90%.

A prevenção é, por isso, um meio eficaz de o combater, não podendo ser descurada em caso algum, sobretudo se existirem indícios de factores de risco.

Faça o auto-exame da mama depois de cada menstruação ou, se já não a tem, numa data fixa todos os meses. Observe bem o que for fora do normal ou estranho. Siga estes quatro passos:

1. À frente do espelho
Observe os seus seios com os braços caídos ao longo do corpo. Vê alguma coisa esquisita? Coloque as mãos na cintura. E agora?

2. Braços no ar
Agora levante os braços no ar. Os dois peitos sobem da mesma forma? Algum deles está descaído? Vê zonas afundadas?

3. Espirais
Deitada, coloque uma almofada por baixo do ombro e o braço atrás da nuca. Com os dedos da mão contrária, faça espirais à volta da mama.

4. Pressão mamária
Pressione o mamilo. Há secreções? Na axila, passe a mão em movimentos circulares com os dedos esticados. Depois mude de mama. Examine-se uma vez por mês

Texto: Madalena Alçada Baptista
Revisão científica: Dra. Gabriela Sousa (especialista em Oncologia Médica no IPO de Coimbra e membro da direcção da Sociedade Portuguesa de Senologia)

Noticia : Saúde - Sapo

publicado por carla grileiro às 18:32

Desejo a todos um bom incio de semana

o tempo mantem-se optimo,primaveril

e nós vamos trabalhar e aguardar pelo fim de semana

esperando que este tempinho se mantenha.

Beijo e boa segunda feira

publicado por carla grileiro às 15:00

15
Mar 09

O que é o Reiki?

O que é o Reiki?

 O Reiki é uma arte muito antiga de cura natural com imposição das mãos.
É uma técnica que vem sendo ensinada a partir das escolas USUI REIKI RYOHO fundada por Dr. Mikao Usui redescobridor deste maravilhoso método de cura natural.

 O que se pode esperar do Reiki em termos de cura?
 O Reiki em termos de cura só trás benefícios. Nenhum terapeuta de Reiki deve garantir a cura ao seu paciente, mas a energia que sai das mãos do terapeuta pode por vezes fazer milagres.

Existem actualmente muitos métodos de cura e tratamentos, seja na medicina holística ou convencional, no entanto, perante o elevado preço no sistema de saúde convencional, eu acho que valerá a pena experimentar o Reiki. O terapeuta de Reiki não faz diagnóstico nem receita medicamentos, apenas canaliza a energia e além disso aconselha o paciente a ser acompanhado pelo seu médico.

A terapia Reiki posta em prática em paralelo com a medicina convencional só beneficia o paciente. Qualquer tipo de intervenção cirúrgica a que o paciente se tenha submetido tem uma recuperação muito mais rápida com o efeito da energia Reiki. Além de ajudar o corpo material, também ajuda no mental.

 Quem é que recorre ao Reiki? Que tipo de pessoas? 
O Reiki não é uma religião nem um produto que se compra em qualquer supermercado. O Reiki é algo muito especial procurado por pessoas inteligentes e sensíveis, sejam estes médicos, professores, alunos em véspera de exames, contabilistas e todo o tipo de pessoas que já se encontram desesperados com os seus males. Além das pessoas menos saudáveis que procuram o Reiki, também há muita gente saudável que procura esta terapia para relaxamento.

 Como funciona o Reiki? 
É através dos chacras das mãos que sai a energia vital Reiki. A energia que cura. Estes dois chacras fazem parte dos chamados chacras menores, que se encontram espalhados pelo nosso corpo. Há também sete chacras maiores que são considerados os principais centros de energia. Estes abrangem todos os níveis do ser humano, contêm estruturas semelhantes ás válvulas, que ou estão abertos ou fechados, conforme a estado do desenvolvimento da pessoa.

Estes centros, distribuem a energia por vários canais, chamados meridianos. Quando algum destes centros de energia não funciona bem, pode servir de barreira a qualquer tratamento médico. Essas barreiras, poderão ser libertadas com a terapia Reiki, evitando assim, que a doença atinja níveis mais avançados.

Não há nada de sobrenatural na cura Reiki. Esta cura baseia-se simplesmente nas leis naturais, que a maioria das pessoas desconhece. Portanto, se admitirmos que existe a chamada lei de correspondência, podemos analisar que quando o corpo físico adoece, o corpo energético também não está bem, mais uma vez o Reiki (ENERGIA VITAL UNIVERSAL), ao circular pelos canais energéticos do nosso corpo mantém e/ou restabelece o equilíbrio.
IN Sapo

publicado por carla grileiro às 21:39

13
Mar 09

A Passagem Radical

Desejo a todos(as) os amigos(as) e visitantes do meu blog,

um excelente fim de semana.

Otempo esta optimo,passar passear ,namorar,ir até á praia.

Enfim para espairecer e aproveitar esta primavera antecipada.

Beijos e divirtam-se,bom fim de semana

publicado por carla grileiro às 17:14

foto artigo
 

 

Chore… pela sua saúde

Em média, as mulheres choram 47 vezes por ano; os homens apenas sete. Quererá isto dizer que as mulheres são seres mais tristes? Ou apenas mais saudáveis?

Nove em cada dez pessoas dizem sentir-se psicologicamente mais aliviadas depois de uma crise de choro, revela um estudo. Tal como o riso, as lágrimas parecem ter um efeito benéfico na saúde, reduzindo o stresse e induzindo uma sensação de alívio emocional. Todos choramos: uns mais outros menos. Mas qual o objectivo desta forma de expressão, única à espécie humana, e o que se passa quando choramos?
 


 

Sobrevivência
Um dos principais mistérios é a existência de dois tipos de lágrimas: as que compõem o fluido que protege o olho, e as chamadas “lágrimas emocionais”. Pois é: os cientistas concluíram que as lágrimas que derramamos ao descascar uma cebola ou a tentar remover um corpo estranho do olho são quimicamente diferentes das que resultam de um choque ou situação dolorosa. Estas últimas têm mais proteínas, manganês, potássio e hormonas como a prolactina. Curiosamente, esta hormona é mais abundante nas mulheres do que nos homens, especialmente durante a gravidez, o que pode explicar porque as mulheres choram mais durante este período. A diferença justifica, para cientistas como William Frey, da Universidade de Minnesota, uma “teoria do restabelecimento” – hipótese segundo a qual as lágrimas têm um papel activo na sobrevivência humana, ao ajudar a recuperação do organismo. Os químicos que se formam durante uma situação de tensão emocional são assim libertados e literalmente “derramados” pela cara. “Ao chorar, o corpo alivia o stresse, que acumulado pode aumentar o risco de ataque cardíaco e danificar certas áreas do cérebro”.

Agir sobre o outro
Um estudo recente da Universidade da Florida, nos Estados Unidos, levanta outra hipótese: as lágrimas aumentam um estado de excitação que possibilita o desaparecimento da “ameaça” que as despoletou. As lágrimas ditas “emocionais” aumentam, por exemplo, a cooperação social e podem dissuadir o comportamento agressivo. As lágrimas são como um “grito de ajuda”: uma investigação holandesa concluiu que tanto os homens como as mulheres mais facilmente dão apoio emocional se virem alguém com lágrimas na cara. No Japão, os cientistas ainda estão a tentar perceber porque razão 58% dos participantes num estudo se sentiram mais tristes quando o choro foi simulado (deitando 0,2 ml de água junto ao canal lacrimal). Apenas cerca de 28% conseguiu manter-se bem-disposto à medida que as lágrimas iam escorrendo pela face.


 

Seja como for, os cientistas não têm dúvida de que chorar é uma actividade biológica com uma função definida e importante. “Não terá sido por acidente que as lágrimas resistiram ao fenómeno da evolução. Os humanos são os únicos animais que deitam lágrimas em resposta ao stresse emocional, e é muito provável que elas tenham um valor qualquer no processo de sobrevivência”, conclui Frey, autor de “Crying – the Mistery of Tears”.
 
 
Anatomia do choro
- 20% das crises de choro duram mais de 30 minutos;
- 8% duram mais de uma hora;
- 70% das pessoas que choram tentam escondê-lo;
- 77% das pessoas choram em casa;
- 15% choram no trabalho ou no carro;
- 40% choram sozinhos;
- 39% das crises de choro acontecem ao final da tarde (18-20h);
- 88,8% das pessoas sentem-se melhor depois de chorar;
- As mulheres choram, em média, 47 vezes por ano;

- Os homens choram, em média, 7 vezes por ano.

publicado por carla grileiro às 16:25

12
Mar 09

Hoje o meu amor faz 35 aninhos.

Muitos parabéns amor, muitos anos de felicidade ao meu lado, como nestes últimos dois.

Beijo Grande

Adoro-te

 

 

 

 

publicado por carla grileiro às 16:50
tags:

04
Mar 09

Olhem o meu orgulho, no torneio copa danone

foram á final e ficaram em segundo lugar

ficaram apurados para a final em Faro

no fim de semana de 21/22 de Março.

È o meu orgulho....Beijinhos

publicado por carla grileiro às 09:41

02
Mar 09

A Mão que a Seu Amigo Hesita em Dar-se

 

Perguntaste se eu amo o meu amigo?
como rompendo um demorado açude
na tua voz quis hausto que transmude
todo o cristal dos ímpetos consigo

Neste meu choro enevoado abrigo
pôs-me a palavra o peito em alaúde
que uma doce pergunta tua ajude
no sim furtivo que eu levei comigo

Mas a meu lábio lento em confessar-se
um mestre inda melhor o cunharia
A mão que a seu amigo hesita em dar-se

ele a tomou o que mais firme a guia
para que ao coração secreto amando
ao mundo todo em rimas o vá dando.

Walter Benjamin, in "Sonetos"
Tradução de Vasco Graça Moura

 


 

publicado por carla grileiro às 17:42

Slide
Março 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
14

17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
28

29
30
31


subscrever feeds
tags

todas as tags

Caixa de Dialogo
comentários recentes
<3 Boa! Agora, não percas a embalagem.Beijocas
Olha! que giras que estão!!! Ainda bem que regress...
olá, foi um dia muito bom.Temos que repetir. Afina...
Boa, ca te espero para leituras também mais assídu...
"Grande artigo e óptimo blog! Deixe aproveitar est...
Blog: http://www.elanao.com/
Blog: http://www.elanao.com/
Blog: http://www.elanao.com/
Blog: http://www.elanao.com/
Blog: http://www.elanao.com/
Rádio Comercial
as minhas fotos